betway

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Pfizer pede registro de vacina para bronquiolite para recém-nascidos e bebês de até 6 meses

    Imunizante é destinado para grávidas e oferece a resposta imune para os bebês; também foi solicitada a utilização para idosos a partir de 60 anos

    De acordo com a Anvisa, os Estados Unidos aprovaram o imunizante para ambos os públicos
    De acordo com a Anvisa, os Estados Unidos aprovaram o imunizante para ambos os públicos Dado Ruvic/Reuters

    Douglas Portoda CNN

    em São Paulo

    APfizer protocolou, nesta segunda-feira (28), um pedido à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o registro da vacina Abrysvo contra o vírus sincicial respiratório (VSR), que é responsável por doenças como a bronquiolite.

    O imunizante é voltado para gestantes, oferecendo resposta imune contra infecções do trato respiratório causadas pelo vírus em recém-nascidos e bebês de até seis meses de idade, principal grupo de risco para formas graves da doença.

    Além de grávidas, a solicitação também pede a utilização da vacina para a proteção de idosos a partir de 60 anos de idade.

    OsEstados Unidos realizaram a aprovação para ambos os públicos.

    “O pedido de aprovação de registro junto à Anvisa é baseado em resultados de estudos clínicos internacionais de fase 3 que demonstraram que a vacina é eficaz e segura na proteção de bebês e idosos. O estudo fase 3 para a indicação materno-fetal contou com a participação de mais de sete mil grávidas, em 18 centros ao redor do mundo, sendo quatro deles no Brasil: dois no Rio Grande do Sul, um em Santa Catarina e um em São Paulo.”, explica.

    “No caso da aplicação em gestantes, a resposta imunológica gerada pela vacina foi capaz de prevenir 82% 1 das formas graves de doenças respiratórias em crianças de até três meses, seguindo com 69% 1 até os seis meses. Já em idosos, o imunizante mostrou alta eficácia contra quadros graves, de 85,7%”, prossegue.

    VÍDEO – Pfizer: Preocupação com vacinação vai além da Covid

    Pedido de registro

    A análise do pedido de registro de vacina segue regulamentação própria da Anvisa para verificar se a relação benefício/risco do produto é satisfatória no contexto epidemiológico atual.

    Com isso, são apresentados os estudos clínicos e outros dados para comprovar a qualidade, segurança e eficácia do produto. A divisão é feita da seguinte forma:

    • a área de Produtos biológicos, avalia os aspectos de qualidade, segurança e eficácia;
    • a área de Farmacovigilância, é responsável pelo monitoramento e planos de acompanhamento da vacina após sua entrada em uso no país; e
    • a área de Inspeção e Fiscalização, é responsável pela avaliação das Boas Práticas de Fabricação.

    Após a investigação inicial, se for necessário, podem ser feitas exigências e esclarecimentos para mais informações.

    “Se aprovado, o registro é o sinal verde para que a vacina seja comercializada, distribuída e utilizada pela população, nos termos da indicação estabelecida em sua bula”, cita a Anvisa.

    Outra vacina para o vírus sincicial está sendo analisada pela agência no momento: a Arexvy, da empresa GlaxoSmith Kline.

    Bronquiolite

    A bronquiolite é uma inflamação da porção terminal dos brônquios. No momento não há medicamento com indicação preventiva no país.

    Segundo o Ministério da Saúde, entre janeiro e abril de 2022, foram notificados aproximadamente 3,6 mil casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), causados pelo vírus sincicial. A maior parte acometeu crianças menores de 4 anos de idade.

    A maior incidência de transmissão é entre o outono e inverno. A transmissão acontece pelo ar, a partir de partículas de saliva.

    betway Mapa do site