betway

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ministério da Saúde adota nova estratégia e inclui vacina contra Covid no Calendário Infantil

    Medida já é válida para todo o sistema integrado de vacinação do país

    Calendário Infantil contará com três doses do imunizante no primeiro ano da criança
    Calendário Infantil contará com três doses do imunizante no primeiro ano da criança Banco de imagens/Pexels/Nataliya Vaitkevich

    Luis Eduardo de Sousacolaboração para a CNN

    O ministério da saúde optou por mudar, a partir desta segunda-feira (1°), o esquema de vacinação contra a Covid-19.

    Entre as mudanças está a inclusão do imunizante contra a doença no Calendário Nacional de Vacinação, para crianças de seis meses a quatro anos e 11 meses.

    Adicionalmente, a pasta passou a recomendar uma dose anual ou semestral da vacina para grupos prioritários, com cinco anos de idade ou mais e maior risco de desenvolver formas graves da doença. Até então, esse público ainda não recebia doses periódicas.

    A medida é válida um mês depois que dez capitais notaram aumento de casos em seus territórios: Aracaju; Campo Grande; Florianópolis; Fortaleza; João Pessoa; Maceió; Rio de Janeiro; Salvador; Teresina e Vitória.

    Em 2024 será realizada ainda a vacinação de pessoas com mais de cinco anos – mesmo aos que não pertencem a grupos prioritários – que não foram vacinadas anteriormente ou receberam apenas uma dose.

    “Essas poderão iniciar ou completar o esquema primário, que consiste em duas doses com intervalo mínimo de quatro semanas entre elas”, informou a pasta.

    Crianças

    Para as crianças, a recomendação é aplicar a primeira dose aos seis meses de idade, a segunda aos sete meses e a terceira aos nove.

    Todas as crianças de seis meses a cinco anos não vacinadas ou com doses em atraso poderão completar o esquema de três doses, seguindo o intervalo recomendado de quatro semanas entre a primeira e a segunda doses e oito semanas entre a segunda e a terceira.

    Crianças que já receberam três doses de vacinas contra a covid-19, nesse momento, não precisam de doses adicionais.

    betway Mapa do site