betway

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Endrick volta ao Palmeiras, e Abel não garante vaga: “Vai ter concorrência”

    Atacante retorna nesta terça-feira (13) para fazer avaliações e iniciar temporada no clube depois de servir a Seleção Brasileira no Pré-Olímpico

    Endrick comemora o gol contra o Cruzeiro na 38ª rodada do Brasileirão
    Endrick comemora o gol contra o Cruzeiro na 38ª rodada do Brasileirão Cesar Greco/Palmeiras

    Brenno Costada Itatiaia

    O atacante Endrick está de volta ao Palmeiras a partir desta terça-feira (13) para o os últimos meses no clube antes de se transferir para o Real Madrid. Mas, apesar de toda a expectativa gerada em torno do atleta, o técnico Abel Ferreira fez questão de deixar claro que a jovem promessa não tem vaga garantida.

    Abel Ferreira quer esperar os resultados da avaliação física a que o jogador será submetido. Além disso, ele prefere também valorizar o desempenho dos jogadores que atuaram pelo time enquanto Endrick esteve a serviço da Seleção Brasileira no Pré-Olímpico, em que acabou sem a vaga nos Jogos de Paris 2024 e alvo de críticas por fazer parte de um time que fracassou.

    “Os jogadores do futebol brasileiro estão acostumados a isso. A serem ídolos depois dizimados pela imprensa. Eu o tenho como um moleque forte mentalmente. Vamos recebê-lo e fazer os testes. Uma coisa é o que se passa na Seleção e outra é no clube. Vai ter a concorrência de dois atletas que estão bem, o Flaco e o Rony. Vamos ver”, afirmou.

    “As escolhas são sempre feitas não pelo que é melhor para o jogador A, B ou C. É o que é melhor para equipe como um todo. Ele chega terça-feira, vai falar comigo, fazer o exame e depois vamos ver”, acrescentou.

    Abel Ferreira revelou que manteve contato com Endrick, mas reforçou, a todo instante, que não tem muitas informações sobre a situação do atacante. Para além da questão física, há uma preocupação com o estado psicológico do atleta, após a eliminação no Pré-Olímpico e a iminente ida para o futebol europeu na metade deste ano.

    “Já falei com ele por telefone. Trocamos mensagens. Desde que começou essa época (temporada), esteve na Seleção. Não tenho muito mais informações. Vai ter que chegar e fazer as avaliações, como todos os jogadores fizeram no início. Depois, vamos traçar a estratégia que for melhor para o time”, disse Abel Ferreira.

    “A parte psicológica, não sei. Tenho que falar com ele. Logicamente quando vai para uma competição, quando nós temos muita expectativa, principalmente vocês (imprensa), eu costumo dizer que ninguém foi antes de ser. São expectativas que todos nós criamos. Mas, tenho que falar com ele. É um jogador mentalmente forte”, acrescentou.


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original

    betway Mapa do site